Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

o lado negro da princesa

o lado negro da princesa

Notas sobre a liberdade

Há 47 anos atrás uma revolução trazia cor a um pais que parecia eternamente cinzento.

Aqui no interior a pobreza era quase extrema; França foi a fuga para muitos.

Ficar na terra era sinónimo de degredo. Só não se escapou de cá quem não pôde. 

47 anos depois, os filhos da terra vêm de férias mas cada vez menos. O estrangeiro já não é tão vantajoso como outrora. 

A província continua a ter o peso de ser; daqui a Lisboa são 4 horas de distância,as portagens são absurdamente caras, a vida cá é absolutamente mais barata do que na cidade, mas nem assim...

A liberdade já está. Agora falta a tão almejada igualdade com o litoral.

 

4 comentários

Comentar post